tfg

Carousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel image

Giovanna Pinhata de Andrade

A batucada na cidade modelo: improviso e construção de identidade

Orientador: Prof. Dra. Maria Carolina Maziviero

#EspaçoUrbano #CarnavalCuritibano #Curitiba

Resumo

Este estudo apresenta uma discussão acerca do conflito entre a cidade formal e a vida cotidiana. Para tanto, analisou-se a questão da construção identitária a partir do discurso institucionalizado, presente nos Planos Diretores da cidade de Curitiba e o desdobramento deste discurso no imaginário e na cultura popular a partir da produção e expressão do samba na cidade. A discussão sobre o cerceamento de um comportamento espontâneo e lúdico frente ao espaço urbano se faz presente, uma vez que Curitiba é uma capital brasileira famosa pelo “sucesso‟ na implantação de seu planejamento urbano. Nesse sentido, selecionou-se a festividade carnavalesca como objeto de estudo, levantando a presença da festa na capital paranaense desde sua formação. Aborda-se questões relacionadas à políticas públicas de incentivo cultural, fazendo uma reflexão sobre a imagem formal e mercantilizada da cidade e a supressão de expressividades que não “se adequam” à esta imagem. O mapeamento do lugar do samba na cidade de Curitiba ao longo do tempo – espaços privados e públicos, carnaval oficial e insurgente- tanto da festividade quanto espaços de “produção” do carnaval, como os barracões de escolas de samba, fazem perceber quais camadas da população produzem o carnaval oficial da cidade. Nesse sentido, questiona-se a falta de incentivo público dada ao carnaval curitibano, assim como o comportamento da mídia em relação à festa. Os estudos de caso correlato levantados dão respaldo à formulação das diretrizes projetuais, a partir de um enfoque que questiona a formalidade e a rigidez do espaço urbano planejado de maneira oficial, propondo uma abordagem lúdica no desenho de mobiliário urbano, reconfigurando sua funcionalidade ao uso. Os espaços que tradicionalmente locam o carnaval em Curitiba serão a plataforma de intervenção deste trabalho.

M_Giovanna Pinhata_2019.01.pdf

A BATUCA NA CIDADE MODELO: IMPROVISO E CONSTRUÇÃO DE IDENTIDADE

MONOGRAFIA
ANO DE APRESENTAÇÃO: 2019.1


contate a autora

pinhata.g@gmail.com