tfg

Carousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel image

Gabriel Hildebrand Tomich

Natureza e Artefato nas Margens do Alto Iguaçu

Orientador: Prof. Dr. Emerson José Vidigal
Indicado (Nominee) - Young Talent Architecture Award 2020 (YTAA), Fundació Mies van der Rohe.

#Paisagem #Infraestrutura #Terrain-vague #AltoIguaçu

Resumo

Este estudo se inicia com o principal objetivo de orientar um posicionamento arquitetônico para a leitura e atuação sobre um território complexo e de grande escala – a porção metropolitana das várzeas do Alto Iguaçu. Partindo de interpretações contemporâneas de natureza e paisagem, que situam a intervenção antrópica sobre o meio como postura dialética, parte-se para exemplos da prática arquitetônica recente que trabalham esta postura na interface entre arquitetura, paisagem e infraestrutura. A partir disso, a análise do território interpreta o entorno do Alto Iguaçu como uma paisagem contraditória e fragmentada, inventada pela ação humana e dominada pela infraestrutura, condição que a torna vazia em significado para a cidade, ao mesmo tempo em que constitui um território latente e rico em possibilidades.

M_GabrielHildebrandTomich_2018.2.pdf

NATUREZA E ARTEFATO NAS MARGENS DO ALTO IGUAÇU

MONOGRAFIA
ANO DE APRESENTAÇÃO: 2018.2
T_GabrielHildebrandTomich_2019.1.pdf

A PAISAGEM COMO ARTEFATO - ENSAIO DE OCUPAÇÃO DAS VÁRZEAS DO ALTO IGUAÇU

PROJETO
ANO DE APRESENTAÇÃO: 2019.1


contate o autor

ghtomich@gmail.com